Carlos Martinelli

Carlos Martinelli

C. H. Martinelli é carioca nato e seu interesse por arte vêm desde sua infância através das aulas na escola, onde certa ocasião estava quase dormindo na aula de religião, quando se viu rodeado de colegas e até por seu professor, ao ter feito uma caricatura do mesmo em sua carteira escolar. Pensou que iria ganhar uma grande bronca, entretanto, recebeu um elogio do próprio professor e o convite de alguns colegas de classe para ser o desenhista do trabalho de artes (tradução em desenho da música Aquarela de Toquinho). Trabalho elogiado por um membro da Academia Brasileira de Belas Artes, sendo este um dos jurados.
Mesmo havendo na família tias artistas (Elza Martinelli e Sonia Delgado Gomes) que o influenciaram, o artista conta que nunca teve a visão da arte como profissão, mas como uma forma de presentear pessoas queridas e como hobby. Entretanto, começou a produzir obras, mais uma vez impulsionado pelo seu destino quando se viu convivendo com diversos artistas plásticos e suas obras maravilhosas como Vik Muniz, F. Krajcberg, Odila Freire, Sergio Rodrigues, entre outros consagrados artistas do cenário artístico brasileiro. Isso se deu, em 1998.
No intuito de conservar a essência e rusticidade do seu traço artístico, nunca frequentou nenhum curso de desenho ou pintura. É autodidata e caracteriza sua técnica como Mista. A matéria prima que utiliza é material inservível, Madeirit, Eucatex, telas diversas, tinta acrílica, pva, óleo, pólvora, entre outros.
“Todos os meus quadros, são únicos. Com características próprias destacam sentimentos particulares das pessoas ou minhas próprias. Nenhuma das minhas obras acontece por acaso. Todas têm um sentido, sentimental ou politico. E trabalhar com pólvora, é sem dúvida curioso e desafiador”. A ideia do uso da pólvora se deu pelo fato de não ter o pigmento preto no momento da criação da obra, acontecendo por acaso.
O interesse do público aumentou quando recentemente começou a expor seus trabalhos publicamente e depois de ter participado de uma exposição de artes no interior da Paraíba, mais precisamente na cidade de Araruna, onde participou de duas edições “Cores na Serra”,
” A arte é a oportunidade de nascer e renascer peremptoriamente!.”

Suas obras

Dica da Designer

 

Os trabalhos utilizando técnicas mistas de Martinelli trazem diversidade e personalidade única. Os resultados surpreendem pela criatividade e estilo.

Vamos deixar seu espaço com um ar sofisticado ? A dica é usar telas coloridas e com a temática que te provoque sensações. Mas atenção: Cuidado com os excessos. As telas devem ser escolhidas com cautela para que fiquem em perfeita harmonia.

Rose Maia
Projetos (83) 987132108

 

Origens

Rio de Janeiro,RJ

Entre em contato com Carlos Martinelli

Mais informações

Quer entrar em contato com o artista Carlos Martinelli? Envie sua mensagem utilizando o formulário.